Foz do Iguaçu: Sindepat Summit discute sobre o panorama do setor de parques e atrações

Estudo apresentado no encontro realizado em Foz do Iguaçu aponta 97 novos empreendimentos em desenvolvimento

Foz do Iguaçu foi o encontro de profissionais que estão à frente dos parques e atrações turísticas do Brasil. Receber a quinta edição do Sindepat Summit, evento promovido pelo Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas foi significativo para o Destino Iguaçu. Isso porque os 300 participantes puderam circular e interagir com vários associados ao Visit Iguassu e também conhecer novas experiências que Foz do Iguaçu oferece aos seus visitantes.

O Sindepat completa 21 anos em 2024 e atua muito forte na bandeira institucional, defendendo os interesses do setor junto ao Ministério do Turismo e Poderes Executivo e Legislativo, em Brasília. O Summit já é considerado o principal evento desta indústria, por isso a presidente, Carolina Negri, comemora mais uma edição bem-sucedida. “Foz é recheada de atrativos. Muita gente veio atraída pela cidade em si e os atrativos existentes aqui”, avaliou.

Carolina também atribuiu o sucesso do encontro ao apoio do Visit Iguassu. “Contamos com o suporte incrível do Visit Iguassu, desde o processo de decisão da cidade até as visitas técnicas que fizemos em associados relevantes que temos na cidade como Parque Tecnológico Itaipu, Cataratas do Iguaçu, Marco das 3 Fronteiras e Yup Star”, destacou Carolina.

 

Ao participar ativamente de dois momentos do Summit, o Visit Iguassu teve a oportunidade de apresentar o papel estratégico da instituição e o modelo da Gestão Integrada do Turismo de Foz do Iguaçu, fortalecendo o poder do associativismo em apresentação com formato de Show Case. Na abertura, o encontro destacou Foz do Iguaçu em painel com a participação do diretor de Turismo do Parque Tecnológico Itaipu, Yuri Benites; do CEO do Grupo Cataratas, Pablo Morbis; e do CEO da Urbia+Cataratas, Munir Calaça; moderado pela diretora-executiva do Visit Iguassu, Elaine Tenerello.

Crescimento

Um dos marcos do evento, foi o lançamento da segunda edição do estudo “Parques, atrações turísticas e entretenimento no Brasil: panorama setorial e novos investimentos” que traçou um amplo panorama setorial, bem como detectar os principais investimentos em curso no país. Foram mapeados 755 estabelecimentos, que receberam cerca de 128 milhões de visitantes e geraram um faturamento total de aproximadamente R$ 8,2 bilhões.

Também foram identificados 97 novos empreendimentos em desenvolvimento, que totalizam R$ 9,5 bilhões em investimentos numa demonstração clara de que o setor segue em crescimento, tanto em performance como em novos projetos.


(Foto: Visit Iguaçu)

Sobre o Autor

Related posts

Leave a Comment