Encante-se com a magia marinha: começou a temporada de baleias no Brasil

Está oficialmente aberta a temporada de baleias nas águas “quentinhas” do Brasil. As primeiras quatro baleias jubarte da temporada de 2023 foram avistadas no litoral do Espírito Santo pelos pesquisadores do Projeto Amigos da Jubarte. O registro inédito foi feito em abril, por meio de hidrofones, pelo qual os pesquisadores conseguiram captar a vocalização desses animais. Para os pesquisadores os mamíferos estão adiantados para a temporada de 2023, considerando a temporada de 2022.

De acordo com o censo aéreo do Projeto Baleia Jubarte realizado em agosto de 2022 entre São Paulo e Rio Grande do Norte, a população atual de baleias no Brasil é de 25.000. O levantamento foi feito em parceria com a empresa Socioambiental e com apoio financeiro da Veracel Celulose e da Petrobras.

“A presença das baleias ao longo da nossa costa atrai turistas de todas as partes do mundo, gerando empregos, fomentando a economia local e despertando um maior interesse pela preservação dos ecossistemas marinhos, fortalecendo nosso compromisso com a conservação dos oceanos”, afirma a ministra do Turismo, Daniela Carneiro.

O turismo de observação natural é uma grande tendência e está movimentando o setor no Brasil. A Agência Nacional de Turismo selecionou alguns destinos imperdíveis para quem é apaixonado pelo maior mamífero do mundo. Veja abaixo:

ESPÍRITO SANTO – A região de Vitória, no Espírito Santo é famosa pela observação de baleias e a sua temporada acontece em meados de junho a novembro. Após percorrer 4 mil quilômetros, a Baleia Jubarte chega ao litoral e para vê-las de “pertinho” é necessário navegar até o horizonte do mar, onde as baleias fazem o seu show e passeiam pelo seu habitat natural.

Por meio dos Projetos Baleia Jubarte e Amigos da Jubarte, os turistas podem realizar um passeio com operadores e mestres de embarcação, que são orientados, para desenvolverem a atividade com segurança, tanto para os animais, quanto para os turistas. O primeiro sinal são os borrifos, seguidos de saltos, e outros comportamentos exclusivos das áreas de reprodução das jubartes.

BAHIA – Ao entrar no mar já é possível sentir as primeiras ondas, isso porque na Praia do Forte na Bahia, as baleias jubartes são um fenômeno. Nessa região, os passeios podem ser feitos pela agência de turismo Portomar, que recebe apoio do Instituto Baleia Jubarte, que acompanha os turistas juntamente a uma equipe capacitada para monitorar a atividade e auxiliar os visitantes na observação das baleias.

O passeio é feito em uma escuna (tipo de veleiro) que navega em direção ao alto mar e leva em média 05 horas, no máximo 03 horas em alto mar.

SANTA CATARINA – Os grandes cetáceos chegam também no litoral de Santa Catarina, com filhotes e mamães baleias. O litoral de Laguna, junto com Imbituba e Garopaba, formam o trio de cidades que compõem o roteiro turístico de inverno conhecido como Rota da Baleia Franca. Juntas compõem o maior registro de avistamentos de baleias do litoral Catarinense.

Já em Imbituba, de acordo com o Instituto Australis (ProFRANCA), as baleias devem chegar em maior número no mês de julho, recordando que entre os dias 20 e 21 de setembro 2022, o Instituto detectou cerca de 250 mamíferos, entre mães e filhotes.

SÃO PAULO – No litoral de São Paulo, Guarujá integra um imperdível roteiro para observação com baleias. O percurso segue em torno da baía de Guarujá, contornando a Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande, passando pela Praia do Sangava, e prossegue em direção à laje de Santos, que é um parque marinho e uma área de proteção ambiental.

Turismo de observação de Baleias. Crédito: Instituto Baleia Jubarte

Sobre o Autor

Related posts

Leave a Comment