Em maio, gastos de estrangeiros no Brasil já é o maior do mês de toda a séria histórica do Banco Central

O Brasil está voltando a ser um país atrativo para os estrangeiros que estão gastando mais e injetando um importante capital na economia brasileira. Segundo dados do Setor Externo, divulgados pelo Banco Central nesta segunda-feira (26.06), no mês de maio, os estrangeiros deixaram no Brasil US$ 567 milhões. O número já é o maior volume para o mês da série histórica registrada pelo banco desde 1998. No ano passado, o gasto desse público no mesmo período foi de US$ 373 milhões. No acumulado do ano, os visitantes internacionais já injetaram US$ 2.721 bilhões na economia brasileira, 35,9% a mais do que o ano passado.

A ministra do Turismo, Daniela Carneiro, comenta que os números positivos são reflexo das ações que vem sendo desenvolvidas pelo governo federal. “O Brasil voltou a ser atrativo para os estrangeiros não só pelas belezas naturais, históricas, culturais e gastronômicas, mas pelas medidas governamentais com relação a sustentabilidade e responsabilidade de seu povo. No turismo, estamos trabalhando na estruturação dos nossos destinos e qualificação dos profissionais do setor e a expectativa é atrair mais visitantes, movimentar a economia e gerar mais emprego e renda”, disse.

De janeiro a abril deste ano, o Brasil recebeu 2,7 milhões de turistas estrangeiros. A marca é 75% superior ao registrado no ano passado, quando entraram no Brasil 1,22 milhões de estrangeiros. A maior parte desses turistas vieram da Argentina, Estados Unidos e Paraguai. Os estados mais procurados foram Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e Santa Catarina.

APROXIMAÇÃO INTERNACIONAL – Desde que assumiu o Ministério do Turismo, a ministra Daniela Carneiro vem realizando uma extensa agenda internacional, com visitas à Portugal, Espanha, Cuba e Punta Cana, com o objetivo de melhorar a imagem do Brasil no exterior e atrair mais turistas estrangeiros para o país. A ministra manteve encontros com representantes governamentais e investidores internacionais, dialogando para fortalecer e gerar mais empregos e renda para o turismo nacional.

Entre os acordos já celebrados, Daniela Carneiro assinou um memorando de entendimento com o governo espanhol que prevê parceria para realização de iniciativas em diferentes campos do turismo, em especial no que diz respeito aos Destinos Turísticos Inteligentes (DTI).

Também atuou junto à Organização Mundial do Turismo (OMT) para a produção de um guia detalhado de informações para atrair investimentos estrangeiros para o turismo do país. O documento trará uma série contínua de relatórios que destacam o clima atual de investimento de um país, bem como as oportunidades em seu setor de turismo.

Em maio, os visitantes vindos de fora do país incrementaram a economia brasileira com US$ 567 milhões. Crédito: Luciola Vilella – MTUR Destinos

Sobre o Autor

Related posts

Leave a Comment