Desvendando encantos de Caraíva : Ecoturismo e Vivências Étnicas na reserva Porto do Boi

Caraíva desponta em atrativos do ecoturismo, onde aventura e contato com a natureza se fundem com experiências inesquecíveis, contando ainda com vivências étnicas em aldeias indígenas Pataxó, em seu entorno, cativando o visitante com uma energia sem igual.

Ambos segmentos em alta no mundo das viagens, atraem o turista pelas descobertas na natureza, religando o homem ao meio ambiente, desligando-o do cotidiano corrido dos grandes centros, sem falar das emoções que despertam: curiosidade, respeito, reverência, encanto a vibrações únicas com a cultura ancestral das aldeias indígenas.

Tudo isso pode ser experimentado na vila mágica mais desejada do Nordeste, onde o acesso via canoa a remo pelo Rio Caraíva é o prenúncio de dias especiais. Com uma comunidade coesa com a preservação e consciente da tamanha riqueza natural, o destino é um produto turístico bem cuidado e protegido.

Ao chegar no vilarejo, o visitante se depara com ruas de areia branca e pouca iluminação, seguindo com pé no chão às pousadas rústicas, todas cheias de colorido da vegetação tropical, sendo recebido sempre com um cheirinho de café feito na hora. À noite, forrozinho pé-de-serra é um programa prá lá de animado e tradicional.

Vale lembrar que todos os passeios estão num território de reserva extrativista, e acontecem dentro de uma área do Parque Nacional e Histórico do Monte Pascoal, avistado pelos portugueses ao chegarem ao Brasil. Este é o único parque no país que além de ambiental, também é histórico.

*DIVERSÃO E IMERSÃO CULTURAL

Pra quem curte uma boa aventura, boa pedida são banho no rio ou o passeio de bote, acompanhados por profissionais em passeios náuticos pela Associação de Nativos de Caraíva (Anac); trilhas na Mata Atlântica; rolê de buggy feitos em território indígena, guiados pelos guias pataxós, até a Ponta de Corumbau. O passeio à Praia de Satu feito de lancha ou a pé num percurso de 3 quilômetros, passando pela falésia da Juacema, também é atrativo com lindas paisagens em um roteiro cheio de emoção.

Uma vivência única que o visitante também pode experimentar é um dia na Reserva Porto do Boi, localizada a pouco mais de 5 quilômetros do distrito. Trata-se de uma imersão interativa na cultura indígena para conhecer a história, costumes, tradições e sabores.

O turista pode participar de rituais de purificação energética e espiritual de profunda conexão com as raízes ancestrais desse povo e as forças da natureza. Cerimônia do AWÊ, pintura corporal, consagração da medicina indígena através do rapé, banho de ervas, gastronomia pataxó, são algumas das vivências inesquecíveis para quem busca o turismo e experiências.

Nessa última semana, seguindo o planejamento do prefeito, Jânio Natal e do vice-prefeito e sec. de Turismo, Paulinho Toa, a equipe de profissionais da pasta municipal do Turismo, coordenada pelo secretário adjunto, Guto Jones, acompanhada da representante do Conselho Municipal de Turismo e empresária local, Tatiana Paixão, realizou visita técnica aos equipamentos, dialogando com empreendedores, representantes de associações e comunidade, sobre potencializar e profissionalizar cada vez mais o turismo no destino, preservando sua identidade e valores.

Foto: Divulgação

Sobre o Autor

Related posts

Leave a Comment