Destinos frios que aquecem o turismo brasileiro

O inverno chegou e com ele os dias frios que aquecem o turismo nacional. A temporada mais gelada do ano começa nesta quarta-feira (21.06) e vai ter fim no dia 23 de setembro. Nessa época, os “destinos de inverno” costumam receber um volume maior de turistas, ainda mais porque a data coincide com o início das férias de julho, momento de pausa no dia a dia que merece uma viagem pelo Brasil.

Você, que é apaixonado(a) pelas belezas do país, tem mais essa oportunidade de apreciá-las, agora, com um adicional de friozinho charmoso. A Agência de Notícias do Turismo tem algumas dicas de destinos “geladinhos” para o turista conhecer e criar boas memórias da estação fria:

GUARAMIRANGA (CE) – Apesar de o Nordeste ser conhecido pelo calor digno de férias de verão, a região surpreende com o frio da serra em meio à Mata Atlântica. E é lá que fica Guaramiranga, no Ceará, conhecida como a “Suíça Cearense”. O local conta com uma beleza natural aliada a uma chuva fina (você vai precisar usar um casaquinho). Por lá, o turista pode apreciar as ruas da cidade, que têm um comércio ao estilo colonial, todo colorido e onde o visitante encontra delícias da gastronomia do frio.

AREIA (PB) – No estado da Paraíba, está localizada a cidade de Areia, detentora de 12 graus Celsius (ou menos) na estação mais fria do ano no país. O lugar faz a alegria dos amantes de um friozinho com atrações como a Rota Cultural Caminhos do Frio, evento que acontece na região do Brejo Paraíba (da qual Areia faz parte). Além disso, os turistas podem aproveitar a visita para conhecer os atrativos históricos da cidade e os engenhos da região.

PIATÃ (BA) – O Nordeste continua surpreendendo com os climas amenos em Piatã, na região da Chapada Diamantina, Bahia, onde o amante de frio vai encontrar uma cidade com clima ameno o ano todo, sendo o inverno a “cereja do bolo”. Nesse período os termômetros marcam cerca de 5 graus Celsius (leva o casaco reforçado na mala, hein!). Além do frio, o visitante vai conhecer a beleza natural da região da Chapada, onde a natureza é rica em biodiversidade, com morros, rios e cachoeiras. Degustar de uma gastronomia requintada também faz parte do roteiro de quem visita o local.

CUNHA (SP) – A região Sudeste, dentre suas várias belezas, também é conhecida por abrigar “destinos de inverno” como Cunha, em São Paulo. Com um charme europeu, o frio deixa os atrativos da cidade ainda mais aconchegantes e o visitante encontra na região uma riqueza de cultura, pois o local é reconhecido pela arte de ceramistas, que abrem as portas dos ateliês para o público. A região também conta com a força da natureza e o visitante vai poder aproveitar as belezas das matas e cachoeiras de Cunha.

BRUMADINHO (MG) – Brumadinho, em Minas Gerais, já é charmosa o ano todo, mas no inverno ela fica ainda mais encantadora! Com uma paisagem rodeada de montanhas, o município mineiro é a casa do museu Inhotim, o maior em arte contemporânea a céu aberto do mundo, que contempla um jardim botânico e muita cultura, educação e sustentabilidade em um só lugar. Aproveite Brumadinho também se hospedando nas charmosas acomodações da cidade e participando do Festival de Inverno.

CALDAS NOVAS (GO) – O município é destino para todas as estações do ano e no frio não seria diferente. Isso porque em Caldas Novas, no Goiás, o turista pode tomar um banho quentinho nas águas termais que atingem 34 graus Celsius e espantam a “friaca” da noite. Esse passeio intimista pode ser dividido com o amor da sua vida, com a sua família e na companhia de si mesmo(a) é só escolher! Aproveite também para visitar os atrativos da região, como o Jardim Japonês, o Parque Estadual da Serra de Caldas Novas.

CAMBARÁ DO SUL (RS) – É “friozão” que você procura? Então a região do Brasil a ser visitada é o Sul. Em Cambará do Sul, no Rio Grande do Sul, o turista vai precisar de casaco, cachecol, gorro e luvas, pois no inverno as temperaturas caem bastante. Seja para se aventurar nos imponentes cânions (o inverno é o momento ideal para avistá-los) ou para curtir aquele friozinho perto da lareira, tomando um vinho ou chocolate quente, Cambará do Sul é um destino de frio “queridinho” dos turistas que amam as temperaturas mais baixas.

URUBICI (SC) – Santa Catarina não fica de fora da lista de destinos frios e Urubici vai proporcionar ao turista paisagens formadas de cânions e montanhas. O clima gelado coloca a cidade na rota das mais frias do país, com manhãs branquinhas de geada (e até de neve) e noite congelantes (leva o casacão). A “Sibéria Brasileira” é o destino perfeito para ficar em volta da lareia e da fogueira, degustar delícias da culinária sulista e aproveitar atrações gratuitas. Mas Urubici também é considerado um destino de natureza. Aproveite o dia para avistar as belezas de cânions, mirantes e fazer trilhas.

Crédito: Freepik

Sobre o Autor

Related posts

Leave a Comment