Canela (RS) é reconhecida como Capital Nacional dos Parques Temáticos

Conhecida por suas opções de lazer e descanso, a cidade de Canela, no Rio Grande do Sul, conquistou o título de “Capital Nacional dos Parques Temáticos”. A honraria foi concedida pelo presidente da República em exercício, Geraldo Alckmin, e publicada no Diário Oficial da União (DOU), nesta quarta-feira (29.11). São 22 atrações desse tipo no município, que recebe cerca de 9 milhões de turistas por ano.

O título atribuído ao município de Canela (RS), reconhece a importância turística da região, como comentou o ministro do Turismo, Celso Sabino. “Isso mostra a relevância da promoção turística da cidade, que irá atrair ainda mais turistas nacionais e internacionais e, também, gerar vantagem competitiva e desenvolvimento econômico”, disse Sabino.

Entre as principais atrações estão o Parque Terra Mágica Florybal, um dos melhores do mundo, segundo o TripAdvisor; e o mais recente Space Adventure, um dos únicos oficiais da Nasa fora dos Estados Unidos.

Nacionalmente conhecida por seus atrativos turísticos e belezas naturais, o investimento em parques no município começou em 1973, com a fundação do Parque Estadual do Caracol, maior cartão postal da Serra Gaúcha.

Além disso, Canela oferece ao visitante uma agenda cheia durante todo o ano, com eventos culturais e de lazer para todas as idades. Para completar, o local é rico em belezas naturais, com parques com mata nativa, quedas d’água de 131 metros de altura, trilhas, morros e vales, um convite ao turismo de aventura.

Com o setor sempre em alta, a economia local se beneficia, gerando emprego e renda à comunidade local, em especial com a venda de malhas, artesanato, couro e a rica gastronomia da região.

A CIDADE – Com uma intensa circulação de viajantes, Canela (RS) fica na Serra Gaúcha, ao lado de Gramado (RS), e está à 123 km da capital Porto Alegre (RS). Possui uma área de 255 km² e cerca de 45.000 habitantes, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Crédito: Renato Soares – MTUR

Sobre o Autor

Related posts

Leave a Comment