Brotas marca uma era de três décadas na vanguarda do ecoturismo

Antes de construir um ambiente de incessante crescimento na atividade turística, Brotas traz uma história de luta da população em torno da preservação de seu maior patrimônio: a natureza. É nos 30 anos deste engajamento pela vida do Jacaré-Pepira Mirim, hoje um dos rios mais limpos do estado, que a cidade celebra o marco zero das atividades turísticas que trazem oportunidades de negócios e de renda para a estância no Centro-Oeste.

A Secretaria Municipal de Turismo dá início à campanha “Turismo Brotas: 30 anos de oportunidades”. O objetivo, além de relembrar as conquistas no processo de construção do nicho de mercado hoje protagonista na economia do município, é engajar todo o setor, que hoje é relacionado a um terço de toda a economia local, grande geradora de impostos e empregos.

As ações começam em 29 de maio e seguem até o fim do ano. Além de marcos visuais espalhados pela cidade, uma campanha de rádio e redes sociais, serão promovidas mesas redondas de debates, com um evento de celebração junto à comunidade trabalhadora nos dias 24 e 25.

Economia

Posicionada entre os destinos mais citados por intenções de viagens em São Paulo, a capital nacional do turismo de aventura recebeu em 2022 uma injeção de cerca de R$ 140 milhões, montante deixado por cerca de 500 mil viajantes somente no ano passado.

Levantamento da Secretaria Municipal de Turismo e informações cruzadas do perfil do município segundo a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade), reforçam a participação de serviços no perfil econômico da cidade. O setor está à frente de outras cadeias produtivas, com 47% da distribuição no PIB brotense, seguido pela indústria (28,8%) e, por último, agropecuária, com 10,1%.

Na participação dos empregos formais, serviços correspondem a 4 mil trabalhadores; indústria, 1,4 mil e agropecuária, com 1,3 mil postos de trabalho. “O turismo emprega um quarto da população economicamente ativa e este patamar tem uma expectativa de crescimento até o fim deste ano, em vista de novos empreendimentos previstos em atrativos para os visitantes”, afirma Fabio Pontes, secretário de Turismo de Brotas.

Detentora do maior número de atividades de aventura do Brasil, a cidade tem outro indicador que demonstra o aquecimento do setor de serviços. O voucher turístico, termômetro da demanda sobre os atrativos na cidade, como o rafting, boia cross, tirolesa e off road, evidencia a curva ascendente na participação das empresas por ramo de atividade na economia.

Linha do tempo

O turismo em Brotas nasceu há 30 anos para proteger o rio Jacaré e oferecer oportunidades às pessoas. Para isto ele nasceu e assim deve continuar! Desde 1993, Brotas vem trilhando um novo caminho de prosperidade. Promissores horizontes se abriram diante dos brotenses, permitindo que cada um pudesse buscar novos sonhos e a sua própria estrela.

“O turismo, mais do que de Brotas, é um patrimônio de todos os seus cidadãos. É hora de celebrar todas essas conquistas e iniciar a construção de uma Brotas ainda melhor para os próximos 30 anos”, conclui.

Rafting no rio Jacaré-Pepira em Brotas – Divulgação

Sobre o Autor

Related posts

Leave a Comment